TRICAMPEÃO DA STANLEY CUP! LET'S GO PENS!

terça-feira, 9 de abril de 2013

Pós Jogo - Penguins 5 @ 3 Hurricanes


Só faltava ao Penguins vencer o Hurricanes! Automaticamente a vitória nos daria o título da divisão do atlântico e a dominância sobre todos os times da conferência. A última vítima do leste se foi, com a vitória nenhum time pode dizer que não perdeu para os Pens... O título do atlântico também já tem dono, a divisão considerada mais disputada da NHL foi a primeira a ter um campeão definido. Parabéns a todos que acompanharam a campanha, o Penguins é campeão do atlântico na temporada 2012-2013, mas queremos muito mais...

É claro que queremos mais! Queremos o título da conferência e depois a Stanley Cup... Mas, mesmo assim, devemos comemorar mesmo que discretamente o título da divisão. Muito mais do que o banner na CEC, a conquista nos dá uma grande vantagem para os playoffs...
Agora resta continuar caminhando rumo a primeira colocação do leste e esperar pelo adversário nos playoffs, pelo menos uma certeza já temos, os 2 primeiros jogos serão na CEC, assim como quinto e o sétimo se eles acontecerem.

Mesmo com os desfalques a postura do time hoje foi em grande parte muito boa, Iginla aos poucos está se entrosando com Malkin e foi bom ter Bennett de volta ao time mesmo que seja na quarta linha. Além do time, a torcida está de parabéns, foi uma invasão em Raleigh... Haviam mais torcedores do Penguins do que do Hurricanes que era o time da casa.

No primeiro período a partida viveu seus momentos mais emocionantes e intensos. Logo no começo, Engelland resolveu brigar esquentando o clima do jogo. Em seguida foram 3 penalidades, 2 para o Penguins e uma para o Hurricanes que fizeram o jogo ir para um 4 on 3 a favor do time de Raleigh.
Sem perder tempo, Corvo abriu o placar para os donos da casa, mas Bortuzzo empatou para o Penguins após receber linda assistência de Dupuis.
Em seguida foi a vez de Morrow fazer seu primeiro gol como um pinguim para desempatar o jogo! E por sinal, um lindo gol que merece ser revisto várias e várias vezes, desde o passe de Jokinen até a conclusão de Morrow!
Porém a alegria durou pouco e os Canes voltaram a empatar o jogo após Adams ter perdido um faceoff e Fleury falhado no disparo de Sanguinetti.
E então, após várias penalidades, vários gols e uma briga os primeiros 20 minutos terminaram empatados em 2 a 2.

No segundo período o nível de intensidade do jogo baixou um pouco. As chances diminuíram para ambas as partes e as penalidades consequentemente também.
Foram 2 penalidades apenas, e as duas a nosso favor... Na primeira foram poucas chances e naturalmente nenhum gol também, já na segunda foi feito apenas 1 disparo! Sim você não está cego, apenas 1 shot em um PP. É aceitável que o rendimento de nossas linhas de power-play sejam menores com a ausência de Letang, Crosby e Neal... Mas, um shot é quase inaceitável!
Problemas a parte, o período foi morno e terminou sem gols, placar mantido em 2 a 2.

Os 20 minutos finais precisariam ser melhores que os jogados no segundo período. Logo de cara os donos da casa desempataram a partida e a postura ofensiva do Penguins precisava mudar.
E mudou! Bennett fez uma linda jogada e contou com a sorte e o corpo do defensor dos Canes para empatar a partida. Segundo depois, Malkin e Iginla fizeram uma linda jogada... Iggy disparou e Malkin ficou com o rebote para colocar os Pens na frente de novo.
No final, Dupuis garantiu a vitória em um empty-net goal e deu ao Penguins mais um título de divisão!

OBS1: Quem assistiu a partida pelas transmissões da ROOT pode ver que ao fim dos períodos Vokoun estava no túnel para cumprimentar todos os jogadores. Não sei se essa atitude é normal dele, mas mesmo assim achei legal de sua parte!
OBS2: O Penguins fez um jogo muito físico, que funcionou muito bem. Será esse o caminho para superar os desfalques?
OBS3: Murray é simplesmente um monstro na defesa! Sensacional a disposição do sueco..
OBS4: Dupuis jogou muito! 2 assitências e um empty net goal.
OBS5: Glass fez seu primeiro ponto como um pinguim na assitência a Bennett. O estranho é que ele tem 40 jogos pelos Pens.
OBS6: O ATLÂNTICO É NOSSO!
OBS7: Alguém ai no leste sabe quando foi a última derrota para o Penguins? Aposto que não faz muito tempo!

TROFÉU DO JOGO: Morrow. Foi o principal homem no primeiro e no segundo período, fez um lindo gol e acrescentou muito ao jogo físico. No terceiro período sumiu um pouco, porém nada que apague sua participação decisiva na partida.
FOGUEIRA DO JOGO: Engelland. Começou bem vencendo uma briga e honrando o apelido de Mike Tyson, mas jogando hóquei foi péssimo na partida. Falhou por diversas vezes e não deu segurança nenhuma, espero sinceramente que passe sua vaga para o Bortuzzo quando Letang e Martin voltarem.

Comentários
3 Comentários

3 comentários:

Yorran Bergamaschi disse...

E agradeço especialmente a minha cunhada por ser o amuleto que nos levou a vitória. \o

Gabriel Santana disse...

Rapaz eu acho também que aquele Eaton e um jogador essencial para os Penguins 35 anos e muito experiente e centrado em todas as partidas.

P.A Coimbra disse...

Yorran,

Implore para que ela assita a todos os jogos! Inclusive os de playoffs!

Gabriel,

Eaton está jogando muito bem, é uma pena que com a volta de Letang ele seja o primeiro a sair do sistema defensivo. Engelland merece ficar de fora, isso sim!

Postar um comentário